10 Dicas de como combinar o tapete

outubro 20, 2015

DECORAÇÃO

Tudo bem que algumas etapas da decoração são um pouco mais difíceis que outras e conhecer certos segredinhos ajuda muito. Hoje o tema do dia é tapete. Regras, dicas, sugestões e estilos. Falar sobre opiniões gerais é só um jeito de começar; afinal, tem gente que gosta e tem gente que acha que tapete só dá trabalho. Mas vamos combinar, sala sem tapete é quase como usar aquele vestido de parar o trânsito e sair de casa sem sapato e bolsa. Falta alguma coisa!


Portanto, vale a pena aprender um poquito mas  sobre o assunto pra fazer bonito em casa. Aí vai um pouco mais sobre o nosso velho amigo... o tapete.

Como combinar o tapete com outros elementos?


01- Se o tapete chegou para ser a estrela da sala, o sofá e outros elementos precisam ser neutros. É como o visual da balada. Decidiu usar aquele batom vermelho arrebatador? Deixe a make dos olhos de tirar o fôlego para outro dia e arrase sem medo!


02- Se quem brilha é o sofá, a cortina, ou peças de design, por exemplo, o tapete tem que ser neutro. Disputa por atenção sobrecarrega o visual. Deixa o tapete na dele.


03- Se os maiores elementos são neutros (sofá, cortina e tapete), pode ousar e abusar de almofadas coloridas e outros elementos. As almofadas podem ser trocadas com mais facilidade e por isso são as campeãs em brilhar, abuse!


04- Tapetes Orientais são lindos e combinam com quase tudo, um clássico. Nessa versão modernoza o tapete está montado como um patchwork, quase uma desconstrução do tapete original.


05- Os felpudos são aconchegantes, mas precisam brilhar solitariamente, pois tem grande peso visual. Para mantê-lo bonito e saudável é preciso usar aspirador sempre.


06- Não se esqueça do piso. De madeira, vinílico ou porcelanato, se liso ou levemente estampado (comos os veios da madeira), libera ousadia. Pisos de personalidade forte pedem tapetes neutros. 

- Com que cor eu vou?


07- Sua primeira preocupação deve ser manter o tapete em equilíbrio com o restante da decoração. Amarre a peça ao espaço utilizando uma das cores neutras existente no ambiente e no tapete.



08- Tapetes escuros são boa pedida para locais de muito tráfego e para quem tem criança em casa, além de ser um ótimo elemento contrastante, se seu piso for claro. Também funciona se é ele o ponto focal ou se você quer desviar a atenção de algum elemento que não gosta. 


09- Tapetes claros são lindos, ajudam a ampliar o ambiente e contrastam de um jeito super legal em pisos escuros, já que, trabalhar o contraste valoriza um e outro elemento. Porém, requer um pouco mais de atenção quanto à manutenção. 


10- Cuidado ao encher os olhos com modelos de cores fortes ou vibrantes, pode cansar com o tempo ou cair de moda e aí, será difícil aproveitá-lo em outro local, não apenas pela cor, mas porque talvez suas medidas não se adequem em outro ambiente. Mas isso não impede que você invista em uma peça com esse perfil. Seja feliz e demonstre sua personalidade da forma que for mais prazerosa para você!

Espero que a coleção de dicas sobre tapetes que venho postando esteja clareando o horizonte de quem está super a fim de dar um up no visual da casa. Outras dicas virão para que você se sinta segura e possa escolher o tapete certo. 

Beijos, beijos!!



You Might Also Like

0 comentários

Ôh de Casaa!! Store

Manifesto

Manifesto
Comprar de quem faz...

Instagram